top of page
  • Juliana Torres

Dois PMs e dois homens morrem após perseguição que começou em Caxias e terminou com acidente no Jardim Botânico

Carro vermelho fugiu após ordem de parada dos policiais durante uma blitz na Linha Vermelha


Uma perseguição a um Chevrolet Ônix vermelho que começou em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, na madrugada desta quarta (22), terminou com dois policiais e dois homens mortos no Jardim Botânico, na Zona Sul da capital.


Participe do nosso grupo no WhatsApp clicando aqui


A viatura e o carro bateram na Rua Jardim Botânico, na altura do viaduto Saint Hilaire, próximo à saída do Tunel Rebouças no sentido Lagoa. Com o impacto, morreram os PMs Bruno Paulo da Silva e Bruno William Batista de Souza Ribeiro, ambos de 30 anos, e os ocupantes do Ônix, que ainda não foram identificados.


O início da perseguição se deu após o carro vermelho desobedecer uma ordem de parada numa uma blitz na Linha Vermelha, na altura do quilômetro 19,5. Quatro agentes da PM começaram a seguir o veículo em dois carros separados. A corporação não confirmou se ocorreu troca de tiros, apesar de, na porta direita traseira do Onix, haver a marca de um disparo.


Equipes do 23° BPM (Leblon) foram acionadas para a ocorrência do acidente. As quatro vítimas já foram encontradas sem vida. A Polícia Civil realizou perícia no local e os corpos foram encaminhados ao Instituto Médico Legal (IML). Bruno Paulo e Bruno Ribeiro deixam esposas e filhos — um de 2 anos, filho de Bruno Paulo; e um de 4, filho do soldado Ribeiro.


A via ficou interditada nos dois sentidos, tendo sido liberada para os motoristas por volta das 6h, após a retirada dos veículos do local. O acesso pelo Túnel Rebouças também foi liberado, segundo o Centro de Operações Rio (COR). Agentes da Comlurb realizaram limpeza do combustível que ficou espalhado na pista.

Comments


bottom of page